Youtuber que sofria com doença de ‘Benjamin Button’ morre aos 15 anos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A youtuber Adalia Rose Williams morreu na última quarta-feira (15) aos 15 anos de idade. Ela ficou conhecida após compartilhar sua vida convivendo com uma doença rara, conhecida como Hutchinson-Gilford, ou doença de “Benjamin Button”, em referência ao filme estrelado por Brad Pitt, de 2008.

A adolescente foi diagnosticada com a doença aos três meses de vida. De acordo com a mãe de Adalia, Natalia Pallante, os médicos perceberam que algo estava errado já nas primeiras quatro semanas de vida dela. Além do envelhecimento antecipado, a menina também sofria de perda de cabelo, falta de gordura corporal, voz aguda, veias proeminentes e rigidez severa nas articulações.

Após dois meses, a mãe ficou arrasada com o diagnóstico e lembrou que Adalia era “apenas ela”. A condição afeta cerca de 500 crianças no mundo. A confirmação da morte da youtuber foi confirmada pelos familiares na quinta-feira (13). Natalia publicou uma foto homenageando a filha e também agradeceu a equipe médica que acompanhou a adolescente durante sua vida.

“Adalia Rose Williams está livre deste mundo. Ela entrou em silêncio e saiu em silêncio, mas sua vida estava longe disso. Ela tocou milhões de pessoas e deixou a maior marca em todos que a conheceram. Ela não está mais com dor e agora está dançando ao som de todas as músicas que ela ama”, disse.

“Eu realmente gostaria que essa não fosse a nossa realidade, mas infelizmente é. Queremos agradecer a todos que a amaram e apoiaram. Obrigado a todos os médicos e enfermeiros que trabalharam por anos para mantê-la saudável. A família agora gostaria de lamentar essa grande perda em particular”, escreveu a mãe da youtuber.

Destaques

As Mais Lidas​

Notícias Relacionadas