Dia do Professor tem apresentação de orquestra no Centro Cultural São Francisco em João Pessoa

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Em alusão ao Dia do Professor, que é celebrado nesta sexta-feira (15), a Secretaria de Educação e Cultura de João Pessoa (Sedec-JP) preparou uma programação especial para comemorar a data durante todo esse mês de outubro. As ações já tiveram início na noite desta quinta-feira (14), no Centro Cultural de São Francisco, com a apresentação da Orquestra da Sedec, que é formada pelos próprios professores da rede municipal. 

A orquestra apresentou a diversidade de gêneros musicais, passando pelos estados de Pernambuco, Pará, Rio de Janeiro, entre outros. Ela tem a regência do maestro Chiquito. “É uma alegria muito grande comemorar o Dia do Professor, uma vez que eu também sou professora de rede pública. Hoje estamos iniciando a celebração da data com essa apresentação belíssima. Convidamos todos os professores a participarem das homenagens que preparamos para eles”, disse a secretária da Sedec, América Castro.

Quem assistiu à apresentação da orquestra e agradeceu a homenagem foi a professora polivalente da Escola Municipal Professor João Medeiros, Maria do Carmo de Souza Torres. “Professor precisa ter contato com a arte, com a música. Nós só temos que agradecer. Isso é carinho e respeito conosco, é um presente em forma de arte. Nossa extrema gratidão a secretária e ao prefeito Cícero Lucena”, afirmou.

Programação – A programação segue nesta sexta-feira (15) com a assinatura da ordem de serviço para reforma e modernização da Escola Municipal Cônego Mathias Freire.

Durante a tarde, às 16h30, terá a apresentação musical do projeto ‘Sol Maior’, que também vai levar música de qualidade, ao vivo, no Hotel Globo, com os violonistas Roberto Araújo e Marcelo Vasconcelos. A entrada é gratuita e o uso de máscara é obrigatório.

Ainda na sexta-feira, às 19h, terá a apresentação do espetáculo ‘O surto’, no Ednaldo do Egypto. O Coletivo de Teatro Cara Dupla propõe a reflexão de diversos pontos que rondam a sociedade brasileira, diversificando a roupagem dada ao espetáculo que é dividido em dois atos para a atual versão. O espetáculo é uma adaptação do texto “O Rico Avarento” do paraibano Ariano Suassuna, com direção de Letícia Rodrigues.

Durante o mês de outubro também serão oferecidas aos professores práticas integrativas de relaxamento com yoga, meditação, prática corporal chinesa, Tai Chi Chuan, entre outras atividades.

Destaques

As Mais Lidas​

Notícias Relacionadas