X
Dólar
Euro
15 de May de 2021

DIA DOS GOLEIROS

Em jogo emocionante, Flamengo vence o Palmeiras e é bicampeão da Supercopa do Brasil

11/04/2021 | 14h43min
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Na decisão da Supercopa do Brasil, disputada na manhã deste domingo (11) no Mané Garrincha, em Brasília, o Flamengo empatou no tempo normal com o Palmeiras por 2 a 2. A partida foi decidida numa disputa de pênaltis emocionante, na qual o clube carioca levou a melhor vencendo por 6 a 5, num duelo de goleiros. Com a conquista, o Flamengo levantou o segundo título consecutivo da competição.

O jogo

Com um minuto de jogo, o Palmeiras abriu o placar com Raphael Veiga: 1 a 0, num golaço. Aos poucos, o time rubro-negro colocou a bola no chão e tentava sair trocando passes na intermediária do Palmeiras. Aos 19’, o Flamengo chegou com perigo pela primeira vez. Bruno Henrique entrou pelo lado direito da área, tocou de calcanhar para Isla, que rolou para Arrascaeta na área. O uruguaio bateu de primeira e a bola passou muito perto do travessão.

Na sequência, aos 22’, o Flamengo deixou tudo igual no placar. Arrascaeta encontrou Filipe Luís dentro da área, o lateral deu um belo drible em Gustavo Gomez e finalizou na trave. No rebote, Gabigol, bem posicionado, só empurrou para o fundo da rede: 1 a 1.

O Palmeiras quase voltou à frente no placar. Aos 28, Wesley deu um lindo passe para Breno Lopes, que driblou Diego Alves e chutou cruzado para fazer o gol, porém, quase em cima da linha, Diego evitou que a bola entrasse.

Aos 44’, Gabigol fez jogada individual e tocou para Bruno Henrique. O atacante ficou cara a cara com Weverton, que salvou com a ponta dos dedos. Logo em seguida, o Rubro-Negro conseguiu a virada! Arrascaeta recebeu pela esquerda, foi cortando pro meio, limpou a marcação e chutou colocado no canto direito do goleiro, que nem se mexeu. Um golaço!

Na volta para o segundo tempo, o time rubro-negro continuou valorizando a posse de bola e tentava encontrar espaços na defesa alviverde. Aos 10’, Arão tocou para Gabigol na entrada da área, que mandou muito perto do gol. Aos 28’, o Palmeiras empatou com Raphael Veiga, em cobrança de pênalti: 2 a 2.

Aos 39’, Vitinho dentro da área cortou a marcação e chutou forte. Weverton espalmou e a bola ainda tocou na trave. Aos 52 minutos, o jogo fica paralisado por conta de uma briga dos jogadores reservas no túnel de acesso ao gramado. 

A partida terminou empatada no tempo normal e foi para os pênaltis.

Nas penalidades, brilhou a estrela de Diego Alves, que pegou três cobranças e foi fundamental na vitória rubro-negra por 6 a 5. O goleiro do Weverton, do Palmeiras, também segurou duas cobranças e Felipe Luís mandou uma bola, com tranquilidade, no travessão.

Cobranças do Palmeiras:

Raphael Veiga (GOL)
Gustavo Gomez (GOL)
Gustavo Scarpa (GOL)
Luan (Diego Alves defendeu)
Danilo (pra fora)
Matias Viña (GOL)
Gabriel Menino (Diego Alves defendeu)
Gabriel Veron (GOL)
Mayke (Diego Alves defendeu)

Cobranças do Flamengo:

Arrascaeta (GOL)
Filipe Luis (Na trave)
Matheuzinho (Weverton defendeu)
Vitinho (GOL)
Gabi (GOL)
João Gomes (GOL)
Pepê (Weverton defendeu)
Michael (GOL)
Rodrigo Caio (GOL)

Próximo compromisso
O Mais Querido volta a campo na próxima quarta-feira (14) para disputar o clássico contra o Vasco, às 21h, no Maracanã, pela 9ª rodada do Campeonato Carioca.

Escalação do Flamengo
Diego Alves; Isla (Matheuzinho), Rodrigo Caio, Willian Arão e Filipe Luís; Diego (João Gomes) , Gerson (Pepê), Everton Ribeiro (Vitinho) e Arrascaeta; Bruno Henrique (Michael) e Gabi.
Técnico: Rogério Ceni.


Redação com Flamengo

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.