Após notificação, prefeito de Belo Horizonte diz que vai cumprir determinação do Supremo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), afirmou, neste domingo (4), que vai cumprir a determinação do ministro do Superior Tribunal Federal (STF), Nunes Marques, que autoriza a realização de cultos e missas em igrejas.

A informação foi dada pelas redes sociais do prefeito, após ele afirmar, no último sábado (3), que “cultos e missas” estavam proibidos, pois o que valia era “o decreto da prefeitura”. Kalil afirmou ainda que já entrou com um recurso para que a determinação seja revista.

Destaques

As Mais Lidas​

Notícias Relacionadas