X
Dólar
Euro
15 de May de 2021

PERIGO

Uso do kit covid pode estar ligado a hemorragias e insuficiência renal

24/03/2021 | 10h47min
Foto: Emilian Danaila por Pixabay

Muito divulgado, principalmente em grupos que rejeitam medidas eficazes de prevenção da covid-19, o coquetel de medicamentos que ficou conhecido como kit covid, tem sido alvo de suspeitas de causar outros problemas de saúde. Além de não serem indicados para tratar a covid-19, há relatos médicos de que a utilização dessas substâncias pode ter causado além de hepatite medicamentosa, hemorragia e insuficiência renal.

O Estadão trouxe uma matéria com o médico nefrologista do Hospital das Clínicas da USP, Valmir Crestani Filho, que relatou ter atendido pacientes com esses problemas ligados direta ou indiretamente ao uso de medicamentos ineficazes contra a covid. De acordo com a publicação, em um dos casos, o paciente recebeu azitromicina e teve cólicas, diarreia e fortes dores abdominais, que são efeitos conhecidos do antibiótico.

Segundo a publicação, um homem que recebeu omeprazol para alívio dos sintomas acabou desenvolvendo um quadro raro de insuficiência renal associada ao medicamento. O quadro se chama nefrite intersticial aguda, de acordo com o médico. Após isso, ele precisou ser internado para fazer sessões de diálise e se recuperou, mas encontrou dificuldade para achar um leito, em meio ao colapso da rede de saúde.

Outro caso relatado pelo médico é de um paciente que recebeu a prescrição de anticoagulantes como tratamento precoce para covid e acabou tendo uma hemorragia gástrica. O médico contou que o homem tinha um quadro de úlcera não diagnosticado e a medicação agravou o problema.

“A partir do momento que essas medicações passam a ser usadas por milhões de pessoas, esses efeitos, mesmo que raros, começam a aparecer com mais frequência. Quando a gente prescreve um medicamento é porque os benefícios são maiores que os riscos. Se esses remédios não têm nenhum benefício contra a covid-19, todo efeito colateral foi em vão”, afirma.

Além disso, outra preocupação do médico é as pessoas se julgarem protegidas por estarem tomando esse kit e se exporem a doença.


Redação

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.