X
Dólar
Euro
04 de March de 2021

APRESENTAÇÃO

HUMANIZAÇÃO: Pacientes e servidores da maternidade Frei Damião são acolhidos com músicas ao som do Violino

23/02/2021 | 14h24min

Em mais uma ação de humanização que já é de praxe, pacientes e servidores da Maternidade Frei Damião, que integra a Rede Hospitalar do Estado, foram acolhidos com músicas tocadas ao som do violino. A ação aconteceu na manhã desta terça-feira (22).

A violinista Belle Soares percorreu todos os três andares da maternidade e nos corredores e nas entradas das enfermarias, ela tocou músicas clássicas, MPB e até forró. No momento em que as músicas eram tocadas, percebia-se no rosto dos pacientes e servidores um semblante de alegria e muitos deles não conseguiram conter a emoção. Muitos pacientes acenavam em um gesto de gratidão pelo momento.

“ Esse é momento muito especial pois estamos  trazendo músicas e luz para os pacientes e servidores que vêm trabalhando arduamente  todos os dias  e em  um momento tão delicado como esse que estamos vivendo, para salvar vidas”  disse a diretora técnica  Andréa Correia  Nóbrega de Sá.

Para a diretora geral da Maternidade Frei Damião, Selda Gomes o momento foi de muita emoção e de alegria, “ pois veio trazer música, paz e um pouco de descontração para esses pacientes, muitos deles sem nenhuma perspectiva de vida,  como também para os nossos colaboradores que todos os dias estão na luta para salvar o nosso bem mais precioso, que é a vida” disse a diretora  ao lembrar que outra ação semelhante a essa aconteceu no último domingo  quando a maternidade disponibilizou um data show  para que os pacientes pudessem assistir ao jogo entre Internacional e Flamengo.

A violinista Belle Soares afirmou que durante a sua carreira  esse é um dos momentos que ela sente mais feliz, gratificada e realizada profissionalmente.  “É tão bom você tocar e ver que sua música está proporcionando um pouco de alegria, de paz e descontração e, nesse caso em particular, uma esperança de vida e de dias melhores para essas pessoas que estão lutando para viver”, comentou.


Assessoria

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.