X
Dólar
Euro
12 de August de 2020

AUMENTANDO

Mortes por coronavírus na China passam de 2.660

25/02/2020 | 10h54min
Diagnóstico laboratorial de casos suspeitos do novo coronavírus (2019-nCoV), realizado pelo Laboratório de Vírus Respiratório e do Sarampo do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz), que atua como Centro de Referência Nacional em Vírus Respiratórios para o Ministério da Saúde

Autoridades de saúde da China informaram que outras 71 pessoas morreram na segunda-feira em decorrência de infecção causada pelo coronavírus, elevando o número total de mortes na China continental para 2.663.

Ainda segundo as autoridades, 508 novos casos foram reportados, elevando o número total de pessoas infectadas para 77.658.

O número de novas infecções fora da província de Hubei, onde o surto teve início, foi de apenas nove casos. Nenhuma nova infecção foi confirmada em 23 das 31 províncias, cidades e outras unidades administrativas em toda a China.

A província de Guangdong rebaixou em um nível o seu alerta de saúde pública. Diversas empresas japonesas possuem fábricas na província, localizada na região sudeste.

A Organização Mundial da Saúde pede para a China manter o seu esforço monumental de conter o vírus, mesmo com a recente queda no número de casos novos.

Em uma coletiva de imprensa realizada na segunda-feira em Pequim, Bruce Aylward, representante da Organização Mundial de Saúde, disse que as medidas implementadas no mês passado para isolar a cidade de Wuhan na província de Hubei, local mais atingido pelo vírus, contribuíram para a diminuição no número de novas infecções.

Diamond Princess

O ministro da Saúde do Japão, Katsunobu Kato, disse que 28 passageiros apresentaram febre ou outros sintomas após desembarcarem do navio sob quarentena Diamond Princess.

Katsunobu Kato disse em uma comissão do Parlamento na terça-feira que os passageiros estão entre aqueles que responderam a questionários de acompanhamento do ministério após o desembarque.

Cerca de 970 pessoas que testaram negativo para o novo coronavírus puderam deixar a embarcação, num processo que durou três dias iniciando na quarta-feira passada.

Entre eles, uma mulher de 60 anos testou positivo após retornar para sua casa ao norte de Tóquio.


Agência Brasil

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.