X
Dólar
Euro
07 de July de 2020

IMBRÓGLIO

CSP é mais um clube que pode ser punido por escalação irregular de jogador no Paraibano

12/02/2020 | 17h21min

Amadorismo, certeza de impunidade ou falta de atenção. Seja qual for o motivo, mais uma vez o Campeonato Paraibano deve parar nos tribunais devido ao descaso de seus dirigentes.

Depois do caso de Jó Boy, do Sousa, escalado de maneira irregular contra o Sport Lagoa Seca, que deve movimentar o Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba nos próximos dias caso a denúncia feita pelo Nacional de Patos seja aceita, agora é o CSP que pode ir para o banco dos réus, e o motivo é o mesmo.

É que o jogador Negueba foi expulso na semifinal da Segunda Divisão estadual do ano passado, quando defendia a Queimadense, no jogo contra o São Paulo Crystal, e foi punido com uma partida de suspensão em julgamento que ocorreu no dia 28 de janeiro, quando já havia atuado duas vezes pelo Tigre Praiano no estadual. Ele precisaria cumprir a pena no jogo seguinte, diante da Perilima, no dia 3 de fevereiro, no Almeidão.

Emerson Ramon Oliveira, o Negueba, foi punido e pode render até 9 pontos de punição ao CSP por sua escalação irregular. Foto: Reprodução/ TJDF-PB

Entretanto, aos 13 minutos do segundo tempo, Negueba entrou na vaga de Fábio e conseguiu ajudar o CSP a conquistar sua primeira vitória no estadual.

Na rodada seguinte, contra o Sport Lagoa, no Amigão, o atacante entrou aos 44 do segundo tempo, mas não conseguiu evitar a derrota no Amigão por 1 a 0.

O Código Brasileiro de Justiça Desportiva prevê punição para caso e escalação de jogadores de forma irregular de 3 pontos por cada jogo em que o atleta deveria cumprir suspensão, mais os pontos conquistados, no caso, os 3 diante da Perilima, totalizando 9 pontos (3 da vitória contra a Perilima + 3 da participação contra + 3 da participação contra o Sport Lagoa Seca).

Vale lembrar que o CSP só se encontra na primeira divisão estadual por situação semelhante. Pela escalação irregular de Carlos Caaporã, punido pelo TJDF-PB, o Esporte de Patos perdeu três pontos no ano passado. Com isso, acabou ficando atrás do Tigre na tabela de classificação, sendo rebaixado para a segunda divisão do Paraibano.


Voz da Torcida

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.