X
Dólar
Euro
30 de September de 2020

PREVENÇÃO

Ação contra malária combate focos do mosquito no Conde

20/09/2019 | 10h24min
Portal Biologia/divulgação

Uma equipe do Controle de Endemias da Secretaria de Estado da Saúde (SES) está no município de Conde realizando um trabalho preventivo nas casas para o controle do mosquito Anopheles, transmissor da malária. A ação ocorre desde o início de setembro e vai até o fim do mês. Serão visitadas cerca de 400 casas dos quatro bairros de Jacumã onde aconteceram a transmissão. Até o dia 31 de agosto, o município registrou 20 casos da doença.

Os bairros onde o trabalho está sendo feito são: Conjunto Ouro; Capadócia; Dona Antônia e Village Jacumã. “Essas comunidades ficam rodeadas de alagados, ambiente preferido do mosquito da malária. A nossa estratégia é blindar as casas para impedir a transmissão da malária, por isso, fazemos a dedetização com bomba costal manual. No Conde, existem duas espécies de mosquito das quatro que temos no estado [Anopheles albitarsis e aquasalis]”, disse o gerente operacional de Vigilância Ambiental da SES, Emanoel Lira.

Emanoel explicou ainda que, quando a equipe chega às casas, faz primeiro um trabalho educativo onde conversa com os moradores a respeito da doença e, na sequência, faz a aplicação em todos os cômodos. Os moradores são orientados a não pintar, lavar, varrer ou fazer qualquer outra atividade que possa retirar os inseticidas das superfícies tratadas. Isso deve ocorrer por três meses que é o período do efeito do produto. Logo após esse tempo será feita outra aplicação.

“A estratégia de controle tem como principal medida de ataque à doença o combate ao vetor na sua fase adulta, com inseticida residual, aplicado nas superfícies internas dos domicílios e a assistência aos doentes de malária, com diagnóstico e tratamento completo, efetivo e oportuno”, concluiu.

O município de Conde também faz um trabalho de busca ativa de novos casos de casa em casa procurando moradores que possam estar com os sintomas da doença 


Secom PB

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.