X
Dólar
Euro
10 de April de 2020

EVENTO

Terapia nutricional é tema de simpósio que começa nesta sexta-feira em João Pessoa

29/08/2019 | 16h45min

Quando um paciente chega desnutrido a um hospital cresce a possibilidade de morbidade e mortalidade. Além disso, o tempo de permanência hospitalar em pacientes desnutridos pode aumentar em até 90%. Questões relacionadas à terapia nutricional serão debatidas em João Pessoa-PB a partir desta sexta-feira (30), em um evento realizado pelo Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB), da Universidade Federal da Paraíba e vinculado à rede Ebserh.

O III Simpósio de Terapia Nutricional em Alta Complexidade ocorrerá no auditório do Centro de Ciências Médicas da UFPB, com programação que se estende até o sábado (31). Voltado para estudantes, residentes, profissionais do HULW e para o público-externo, o evento é uma promoção conjunta da Equipe Multidisciplinar de Terapia Nutricional (EMTN), Unidade de Nutrição Clínica (UNC) e Residência Integrada Multiprofissional em Saúde Hospitalar (Rimush) do Hospital Universitário.

Dentre os apoiadores do simpósio, estão a Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral Enteral (Braspen), o Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC) e a Associação de Medicina Intensiva Brasileira (Amib).

O termo terapia nutricional compreende um conjunto de cuidados relativos à alimentação e nutrição voltados à promoção e proteção da saúde, à prevenção, ao diagnóstico e ao tratamento de agravos, devendo estar associada às demais ações de atenção à saúde do indivíduo.

 “A terapia nutricional no âmbito hospitalar hoje é uma emergência. Se os pacientes já chegam desnutridos, isso aumenta morbidade e mortalidade. Então a gente precisa, realmente, identificar os pacientes que já chegam desnutridos, tentar reverter essa desnutrição ou, pelo menos, evitar que piore ”, explica a médica intensivista Izaura Odir da Costa, que é uma das coordenadoras do simpósio.

SOBRE A EBSERH

Desde dezembro de 2013, o HULW-UFPB integra a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). Vinculada ao Ministério da Educação, a estatal administra atualmente 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.


Assessoria

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.