X
Dólar
Euro
20 de October de 2020

Sonho de Monteiro e região em ter UTI e Centro de Hemodiálise pode se tornar realidade com emendas de Edna Henrique

19/07/2019 | 15h05min
Divulgação

Saúde sempre foi prioridade na atuação política da deputada federal Edna Henrique (PSDB-PB) e a garantia de recursos no orçamento da União para essa área serão disponibilizados através de emendas individuais na elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO 2020), com sugestões vindas da sociedade e que ampliam a participação popular no mandato da parlamentar.

Conhecendo de perto a realidade de Monteiro e região, a deputada direcionou recursos objetivando a implantação do Centro de Tratamento de Hemodiálise no município de Monteiro e da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na estrutura do Hospital Santa Filomena.

“Saúde é muito importante. Principalmente em nosso estado, onde os convênios médicos não são acessíveis para grande parte da população, por causa de seu alto custo. Assim, o povo precisa de uma saúde pública que atenda da melhor forma possível e isso exige investimento”, afirmou a deputada.

O município de Monteiro, está localizado na região estratégica do Cariri paraibano, que é o maior município do Estado em área territorial, com 1.009,90 km2 e uma população de 33.039 habitantes, que se encontra a 319 Km de João Pessoa e 167 Km de Campina Grande, estaria inserido em um local estratégico que já possui toda uma infraestrutura, sede da  5ª Região de Saúde da Paraíba; cidade polo, sendo referência nos serviços de média complexidade; dispõe de estrutura física nas dependências do Hospital Santa Filomena para a instalação da Hemodiálise e UTI.

O município possui no momento suporte de UPA, SAMU, Centro de Reabilitação Regional, CAPS ADIII, Hemocentro. Atendendo a região do Cariri, municípios circunvizinhos e Pernambuco.

A Implantação do Centro de Tratamento de Hemodiálise no Município de Monteiro e da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na estrutura do Hospital Santa Filomena dará acesso aos pacientes terem o tratamento dentro dos princípios doutrinários do Sistema Único de Saúde da universalidade, integralidade e equidade. Hoje os pacientes dos 30 municípios paraibanos e de outros 19 municípios pernambucanos, enfrentam constantes viagens para realizarem os procedimentos de hemodiálise. Essas cidades somam mais de meio milhão de habitantes que necessitam desse serviço.


Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.