X
Dólar
Euro
22 de novembro de 2019

VÍDEOS

Venezuelanos que fugiram da crise fazem sucesso no YouTube retratando vida no Brasil

09/11/2019 | 14h24min

Quando a venezuelana Victoria Marquez cruzou a fronteira para o Brasil há três anos, ela carregava os documentos, duas malas, o equivalente a R$ 70 em bolívares e um celular.

Com os papéis, conseguiu entrar em Roraima. Com o dinheiro, pagou por comida e chegou a Boa Vista, capital do Estado. E, com o celular, começou a gravar vídeos.

Como é a entrada de tomada no Brasil? Quanto custa o gás? Como funciona o SUS? E o CPF, como tirar? Eram essas dúvidas, frequentes entre amigos e familiares, que Victoria, hoje com 27 anos, respondia nas gravações.

“Eu percebi que tinha muita desinformação, porque falavam muito só da violência no Brasil. Muita gente acredita que aqui só se entra com passaporte, que não pode entrar criança. Foi aí que quis compartilhar o meu conhecimento”, explica sobre o canal que resolveu criar no YouTube – o Vicky Marquez – para os conterrâneos que, assim como ela, queriam fugir da crise no país.

Como muitos venezuelanos que chegam ao Brasil, Victoria não tinha muita noção sobre o valor da moeda — descobriu que o que tinha mal dava para um dia — e as dificuldades de achar emprego. Ela trouxe o filho, então com 5 anos e desnutrido, e chegou a viver na rodoviária de Boa Vista. Pesando 45 quilos, trocou trabalho por prato de comida.


BBC News

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.