X
Dólar
Euro
09 de dezembro de 2019

EMBATE NA JUSTIÇA

Deputado se diz injustiçado e anuncia recurso contra condenação por improbidade

13/08/2019 | 14h08min

O ex-prefeito e atual deputado estadual, Bosco Carneiro, se disse injustiçado com a decisão que o condenou, em primeira instância, por ato de improbidade administrativa às penas de suspensão, por três anos, dos direitos políticos, além de multa civil no valor do triplo da remuneração recebida quando era gestor.

Leia também: Ex-prefeito de Alagoa Grande é condenado por ato de improbidade administrativa

Bosco Carneiro disse que qualquer cidadão só é considerado condenado com a sentença transitada em julgado. Ele lembrou que a decisão se deu em primeira instância e anunciou recurso em todas as instâncias possíveis. “Não cometi nenhum crime, até por que prefeito nenhum comete ato de improbidade quando doa um terreno amparado na lei”, comentou.

O parlamentar também disse que a decisão se baseou em outro processo em que ele teria sido apontado como omisso em uma ação de execução fiscal que tinha o espólio do pai como parte. “Não houve omissão de minha parte, apenas na época a procuradoria, que é a parte legítima a se manifestar, entendeu que a manifestação era facultativa. Não houve ação para não pagar o título, que foi devidamente liquidado. Respeito a decisão, mas acredito que fui injustiçado”, disse.


Alexandre Freire

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.