X
Dólar
Euro
13 de novembro de 2019

DECLARAÇÕES

Após 14 anos na Europa, Rafinha cita peso do Flamengo na escolha: “Vim para ganhar títulos”

25/06/2019 | 17h40min
Cahê Mota

Muito trabalho antes de falar. Rafinha não quis perder tempo na chegada ao Flamengo. Recepcionado com festa no aeroporto e pagode, correu para o CT, fez exames, já treinou nesta terça-feira, e só depois encarou os microfones para os primeiros pronunciamentos como jogador rubro-negro.

Tão esperado reforço para lateral direita, o ex-jogador do Bayern de Munique chegou cheio de moral. A camisa 13 que era de Trauco já tem o nome da Rafinha nas costas, com a anuência do peruano. Prestígio de quem escolheu o Flamengo para retornar ao Brasil após 14 temporadas na Europa.

– Tive várias propostas para ficar no futebol europeu, mas o ciclo tinha chegado ao fim e estava em busca de um novo desafio. Um clube como a grandeza do Flamengo me fez aceitar esse desafio. Esse foi um fator determinante para aceitar. Gosto muito de samba, mas vim para trabalhar e para jogar, para conquistar títulos – disse o lateral, que recebeu a camisa 13 das mãos do VP de futebol, Marcos Braz.

Multicampeão pelo Bayern de Munique, Rafinha defendeu ainda Schalke 04, na Alemanha, e a Genoa, na Itália. No total, foram 489 partidas, 402 como titular (82%) e 19 gols marcados. Na Bavária, foram 18 títulos conquistados, sendo sete Bundesligas e uma Champions League.

– Eu escolhi o Flamengo. Cheguei a um momento da carreira que posso fazer isso. É um clube grandíssimo, uma nação. E é o desafio que eu quero encarar… O Bayern é um gigante europeu, o Flamengo é um gigante do Brasil. E eu estou muito feliz de estar aqui.


G1

Você também pode enviar informações à redação do portal paraiba.com.br pelo whatsapp 83 98149 3906.